Menu
Wesley Safadão e mais quatro atrações se apresentam em Divinópolis

Wesley Safadão e mais quatro atraçõ…

Vem ai mais uma parceria organizada po...

Dois homens são presos por comprar drogas em Divinópolis para revender em Marilândia

Dois homens são presos por comprar …

A Polícia Militar foi acionada ...

O caso da passagem aérea falsa da blogueira Gabriela Pugliesi

O caso da passagem aérea falsa da b…

Um dos assuntos mais comentado nas red...

Vale-transporte em Divinópolis sobe para R$ 4,05

Vale-transporte em Divinópolis sobe…

O vale-transporte terá um reaju...

Uma mulher, dois homens: casal conta como o swing mudou suas vidas

Uma mulher, dois homens: casal cont…

Sarah, 35, e Mauro, 45, são cas...

Trio rouba caminhão com carga avaliada em R$ 200 mil em Divinópolis

Trio rouba caminhão com carga avali…

  Três pessoas foram presas ...

Homem é preso com tabletes de maconha em Divinópolis

Homem é preso com tabletes de macon…

Foi preso na madrugada desse sá...

Vestibular da UEMG será amanhã

Vestibular da UEMG será amanhã

Será realizado neste domingo, 7...

Chuvas em Divinópolis faz rio Itapecerica ficar 50 cm acima do eixo

Chuvas em Divinópolis faz rio Itape…

O grande volume de chuvas que caiu na ...

Volta as aulas nas escolas estaduais só depois do carnaval de 2018

Volta as aulas nas escolas estaduai…

A Secretaria de Educação...

Prev Next
TwitterFacebookPinterestGoogle+

samu credito da foto 2 marcus ferreira 1Depois de confirmar o cancelamento do carnaval em 2016 alegando dificuldade financeira, a Prefeitura de Bom Despacho afirmou nesta terça-feira (12) que os cerca de R$ 40 mil economizados com a não realização da festa foram investidos na construção do espaço que abrigará ambulâncias e socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Já foram investidos R$ 150 mil dos cofres municipais, segundo a Prefeitura. A previsão é de que o Samu seja implantado na cidade em junho deste ano.

De acordo com a secretária de Saúde de Bom Despacho, Neide Braga, passa por reforma, atualmente, o espaço destinado ao Pronto Atendimento Municipal (PAM). O trabalho é feito em parceria com um consórcio que envolve vários municípios com o compromisso de adquirir ambulâncias, equipar centrais de atendimento e treinar equipes de resgate. "Já foram selecionados oito profissionais, quatro motoristas socorristas e quatro técnicos de enfermagem", informou.

Leia também: Cidades do Centro-Oeste buscam alternativas para carnaval

publicidade

O total investido pela Prefeitura até o momento soma os R$ 40.000 economizados com o cancelamento do Carnaval a outros R$ 110.000 pagos ao consórcio regional que busca implantar o Samu em várias cidades do Centro-Oeste. "A Prefeitura investe cerca de R$ 12.000 mensais em equipamentos, instalações e adequações de espaços. Esse é o valor até o momento", finalizou.

Sem folia

A decisão de não realizar o carnaval foi tomada entre o prefeito Fernando Cabral e os blocos carnavalescos de Bom Despacho. Diante da crise econômica, o Executivo informou que prefere conter os gastos. "A cidade não quer gastos desnecessários a não ser que apareça uma parceria muito boa para isso", informou em nota.

Notícias de DiviCity

Tecnologia

Seções

Redação

Baladas

REDES SOCIAIS