Menu
Morar fora: ou você muda ou você volta

Morar fora: ou você muda ou você vo…

Quando a gente vai morar fora, a gente &...

Crise impulsiona mudança de brasileiros para Portugal e pedidos de visto crescem 50%, em 2017

Crise impulsiona mudança de brasile…

Impulsionado pela crise, o fluxo migrat&...

Detentos serram cela e fogem de presídio em Pitangui

Detentos serram cela e fogem de pre…

Polícia Militar (PM) está ...

Empresários de Itaúna são investigados por falsificação e contrabando

Empresários de Itaúna são investiga…

O Ministério Público Feder...

O sexo flexível dos héteros

O sexo flexível dos héteros

Ter relações sexuais espor...

Leilão da Receita Federal tem IPhones, vinhos, relógios e drones

Leilão da Receita Federal tem IPhon…

No dia 25 de agosto, a Receita Federal r...

Duas mulheres são encontradas mortas em sacos plásticos em MG

Duas mulheres são encontradas morta…

Os assassinatos de duas mulheres com req...

Divinopolitano disputa emprego de R$100 mil

Divinopolitano disputa emprego de R…

Parece fackenews, mas não é...

Justiça manda herdeira que prometeu R$ 500 mil a Lula pagar dívida antes

Justiça manda herdeira que prometeu…

A Justiça de São Paulo det...

CNH digital deve ser implantada antes de fevereiro

CNH digital deve ser implantada ant…

O Conselho Nacional de Trânsito (C...

Prev Next
TwitterFacebookPinterestGoogle+

Banner Zeos Travelling

samu credito da foto 2 marcus ferreira 1Depois de confirmar o cancelamento do carnaval em 2016 alegando dificuldade financeira, a Prefeitura de Bom Despacho afirmou nesta terça-feira (12) que os cerca de R$ 40 mil economizados com a não realização da festa foram investidos na construção do espaço que abrigará ambulâncias e socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Já foram investidos R$ 150 mil dos cofres municipais, segundo a Prefeitura. A previsão é de que o Samu seja implantado na cidade em junho deste ano.

De acordo com a secretária de Saúde de Bom Despacho, Neide Braga, passa por reforma, atualmente, o espaço destinado ao Pronto Atendimento Municipal (PAM). O trabalho é feito em parceria com um consórcio que envolve vários municípios com o compromisso de adquirir ambulâncias, equipar centrais de atendimento e treinar equipes de resgate. "Já foram selecionados oito profissionais, quatro motoristas socorristas e quatro técnicos de enfermagem", informou.

Leia também: Cidades do Centro-Oeste buscam alternativas para carnaval

publicidade

O total investido pela Prefeitura até o momento soma os R$ 40.000 economizados com o cancelamento do Carnaval a outros R$ 110.000 pagos ao consórcio regional que busca implantar o Samu em várias cidades do Centro-Oeste. "A Prefeitura investe cerca de R$ 12.000 mensais em equipamentos, instalações e adequações de espaços. Esse é o valor até o momento", finalizou.

Sem folia

A decisão de não realizar o carnaval foi tomada entre o prefeito Fernando Cabral e os blocos carnavalescos de Bom Despacho. Diante da crise econômica, o Executivo informou que prefere conter os gastos. "A cidade não quer gastos desnecessários a não ser que apareça uma parceria muito boa para isso", informou em nota.

Notícias de DiviCity

Tecnologia

Seções

Redação

Baladas

REDES SOCIAIS