Menu
TwitterFacebookPinterestGoogle+

guarani divinopolisNada menos que 31 graus de temperatura e uma sensação térmica ainda mais quente dentro de campo. Nesta quinta-feira, os jogadores de Guarani e América tomaram um verdadeiro “banho de sol” no estádio Farião, em Divinópolis. Mais bem adaptada às condições adversas da partida, a equipe da casa suportou melhor o forte calor e mostrou-se mais inteira no segundo tempo para vencer um Coelho irreconhecível por 3 a 0, com todos os gols marcados na etapa complementar.

Com o resultado, os comandados de Givanildo Oliveira chegam à primeira derrota na temporada, após conseguir vitórias convincentes contra Figueirense e Tupi, pela Primeira Liga e Campeonato Mineiro, respectivamente.

A partida desta quinta-feira, marcou a estreia do Guarani no Campeonato Mineiro deste ano. A equipe de Divinópolis ainda não havia atuado pela competição, tendo em vista que o duelo contra o Tricordiano foi adiado e será realizado na próxima terça-feira, às 20h, no estádio Elias Arbex. Já em seu terceiro jogo pelo Estadual, o América terá que buscar a recuperação diante do Villa Nova, no dia 14 de fevereiro (domingo), às 19h30, no estádio Independência.

O Jogo – Atrapalhados pelo forte calor, Guarani e América protagonizaram um começo de jogo de baixo nível técnico. Diante do campo também irregular, ambas as equipes apostaram em chutões e lançamentos precipitados, que não resultavam em lances de perigo.

publicidade

O dono da casa, se adaptou mais rapidamente às condições do jogo, e quase marcou, após finalizações de Marcos Vinícius e Carlos Renato, que acabaram parando no goleiro João Ricardo. Pouco minutos depois, foi a vez do arqueiro do Guarani, Leandro, fazer milagre no chute de Rafael Bastos, que estava livre dentro da área.

O jogo parecia ganhar em emoção, mas não foi bem assim. Desgastados pela sensação térmica altíssima, os jogadores não mostravam forças para transpor a marcação adversária. No final do tempo, ambos os times buscaram um último fôlego para abrir o placar, no entanto, as finalizações de Rafael Bastos e Jonathan não tiveram a direção esperada.

Se calor não faltava aos jogadores em campo, o Guarani aproveitou a “deixa” e iniciou o segundo tempo a todo vapor. Logo aos dois minutos, Jonathan recebeu belo lançamento de Carlos Renato e bateu na saída de João Ricardo para colocar o Bugre em vantagem.

publicidade

Animado, o Guarani ampliou seis minutos depois com o centroavante Marcos Vinícius, que aproveitou bem o cruzamento de Iago para testar firme e marcar o segundo do time da casa. Na sequência do segundo tempo, o América ficou mais ofensivo, mas teve uma eventual reação frustrada após Carlos Renato sofrer pênalti de Alison e bater com categoria para anotar mais um para o Guarani, aos 18 minutos, no Farião.

Tranquilo, até demais, na partida, o Bugre quase viu a sua vantagem no placar diminuir após Bruno Sávio carimbar a trave e Tiago Luís, já no final do jogo, perder duas boas chances. Embalado pelos gritos de “olé”, o time da casa, contudo, conseguiu administrar bem a vitória em sua estreia pelo Estadual.

Notícias de DiviCity

Tecnologia

Seções

Redação

Baladas

REDES SOCIAIS