Cadernos Especiais

Coronavírus

Engenheiro mineiro cria produto de limpeza que elimina novo coronavírus

Desinfectar chão de covid-19

Com a pandemia da COVID-19, várias empresas e colaboradores estão testando possíveis alternativas para prevenir e combater a doença. Esse é o caso do engenheiro consultor Jorge Marques, de 59 anos, de Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, que desenvolveu um produto de limpeza que elimina o novo coronavírus (Sars-Cov-2) da superfície dos ambientes.

Segundo ele, o produto que a Master Chemicals – empresa responsável pelo desenvolvimento e futura distribuição do produto – criou no ano passado foi aperfeiçoado em abril, em decorrência da pandemia do novo vírus.

A fórmula foi analisada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que certificou sua eficácia.

“Fizemos umas formulações e contamos com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) para fazer os ensaios. A faculdade fez o estudo comprobatório e nos deu o laudo da eficácia dele”, disse Jorge Marques.

A UFMG atestou que o produto atinge o objetivo, com "atividade virucida superior a 99,99% quando o vírus SARS-CoV-2, agente etiológico da COVID-19, foi exposto ao agente pelo período de 5 minutos após procedimento de limpeza padronizado. As conclusões expostas aqui são baseadas em dados observados cientificamente".

Segundo Jorge, o reagente é diferente dos desinfetantes comuns e águas sanitárias por ser menos tóxico.

“Ele tem um efeito residual interessante, visto que o líquido dele não evapora. Por ser base-água ele permanece na superfície”, explicou.

Baixo custo

Ainda de acordo com o idealizador do produto, ainda está sendo elaborada a maneira como será feita a comercialização, mas que ele “será colocado no mercado com baixo custo e como um serviço”.

O uso e a comercialização do biocida no combate ao novo coronavírus em ambientes com altos índices de contaminação foram autorizados, na semana passada, pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

De acordo com Jorge Marques, o produto será aplicado a cada três meses. “Nós fazemos o teste antes da aplicação. Vamos até o local com um aparelho que detecta a presença de vírus e bactérias e realizamos a inspeção. Se o resultado apontar que ali está infectado, fazemos a descontaminação da área. Depois fazemos novamente outro teste para comprovar a eficácia da reação do produto”, explicou. 

• PUBLICIDADE | AFILIO •

More about: |

Siga o DiviCity

Pesquisa DiviCity.com

VOCÊ TEM MEDO DO CORONAVÍRUS?
Booking.com
Booking.com

Redes Sociais e Contato

© 2018 DiviCity.com. Todos os direitos reservados.Desenvolvido pela Iniciativa Comunicação Iniciativa

Search