Notícias de Divinópolis

Cidade

Microrregião de Divinópolis avança para onda verde, mas nem todos os municípios aderem

Divinópolis, Minas Gerais

A microrregião de Divinópolis migrou para a onda verde do programa do governo estadual Minas Consciente. Mesmo com os índices favoráveis, o Comitê Macrorregional Oeste de Enfrentamento da COVID-19 emitiu nota técnica recomendando que os municípios não avancem na flexibilização de novos setores da economia.

O documento foi assinado pelo superintendente regional de Saúde Alan Rodrigo da Silva.

Pelo plano do governo, os prefeitos têm autonomia para decidir se seguem a macro ou a microrregião. Embora a micro esteja com pontuação suficiente para avançar para a etapa mais ampla do programa, a macro continua na onda amarela.

Das oito micros que compõe o território, apenas duas estão em ondas diferentes: a Divinópolis, na verde, e a de Itaúna, na vermelha.

A microrregião de Divinópolis é composta também por Perdigão, Araújos, Carmo do Cajuru, Itapecerica, Cláudio, São Sebastião do Oeste e São Gonçalo do Pará. Ela obteve a pontuação reduzida de 15 para 12. Dos municípios citados, apenas o último não aderiu ao plano estadual.

Já a macro pulou de 16 para 15 pontos, mas ainda não atingiu o índice necessário para avançar.

A deliberação do Comitê Extraordinário continua orientando o estado em termos de macrorregiões. Dessa forma, ainda que a microrregião de Divinópolis esteja com indicadores em situação esperada, o Comitê Macrorregional entende que os municípios devem seguir a onda amarela, definida para a Macrorregião Oeste.

Com 313 casos confirmados de COVID-19, das oito cidades da micro, apenas Cláudio confirmou que irá avançar para a onda verde. O decreto com as especificações será publicado no início da próxima semana.

Mesmo ampliando as flexibilizações, o município deverá adotar algumas restrições. Os prefeitos têm autonomia para definir medidas mais restritivas do que as previstas na onda em que se enquadram.

“Caso um município avalie risco de desassistência aos pacientes, seja por aumento nos casos, redução da capacidade assistencial ou indisponibilidade de insumos, por exemplo, ainda que se encontre em uma onda menos restritiva, deve avaliar o estabelecimento de restrições complementares”, explica o comitê macrorregional.

Já Itapecerica e Carmo do Cajuru informaram que por enquanto não há intenção de avançar para a onda verde. Cajuru deve permanecer na amarela pelos próximos 21 dias. Após esse período será feita nova avaliação. Entretanto, isso ainda será confirmado na próxima reunião, prevista para terça-feira (15), do comitê municipal.

• PUBLICIDADE | LOMADEE •

Novas flexibilizações

Divinópolis também permanecerá na onda amarela. Mesmo com a pontuação reduzida, o comitê alegou que os índices da cidade a colocam em situação de alerta.

A porcentagem de casos confirmados do novo coronavírus em relação ao número de pessoas testadas é de 26%, número considerado alto.

Outro fator que assusta são os indicadores de avanço do coronavírus. A confirmação da doença cresceu 15% na semana avaliada em relação a anterior.

Mesmo não permitindo a reabertura de outros setores da economia, novas flexibilizações foram autorizadas. O comércio, a partir deste sábado (12), poderá funcionar das 8h30 às 13h, seguindo as normas sanitárias já estabelecidas.

Os self-services passam a ser liberados, assim como o uso de copos de vidros.

A volta às aulas será analisada dos próximos dias.

A reportagem tentou contato com os demais municípios, porém não obteve retorno até o fechamento desta matéria.

• PUBLICIDADE | ZEOS TRAVELLING •

More about: |

Siga o DiviCity

ASSINA NOSSAS NOTÍCIAS

Receba diariamente as notícias de DiviCity por e-mail

Pesquisa DiviCity.com

VOCÊ TEM MEDO DO CORONAVÍRUS?
Booking.com
Booking.com
Banner DiviCity.com
Portugal.Com.Vc tudo para quem quer morar em Portugal

Redes Sociais e Contato

© 2018 DiviCity.com. Todos os direitos reservados.Desenvolvido pela Iniciativa Comunicação Iniciativa

Search