Notícias de Divinópolis

Saúde

Vacinas contra a Covid-19: Divinópolis recebe imunizantes da Pfizer distribuído pelo Estado

Vacina Pfizer Covid-19

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) divulgou nesta quinta-feira (20, a distribuição do 20º lote de vacinas contra a Covid-19. Desta vez, os municípios vão receber imunizantes da Pfizer. Diferente das remessas anteriores, nesta somente Divinópolis, Itaúna, Nova Serrana e Pará de Minas vão receber vacinas deste fabricante.

O lote é composto por 508.050 doses e nesta remessa, também estão incluídas doses de CoronaVac e AstraZeneca. No entanto, a quantidade de imunizantes que cada cidade vai receber ainda não foi divulgada.

Segundo a SES-MG, esta é a segunda etapa de introdução e expansão da vacina Pfizer no estado, a primeira foi apenas em Belo Horizonte. A previsão é iniciar a distribuição dos imunizantes para a Superintendência Regional de Saúde (SRS), com sede em Divinópolis, nesta sexta-feira (21). A SRS é quem ficará responsável por entregar as vacinas aos municípios aprovados.

Ao todo, 47 municípios de Minas vão receber as doses da Pfizer. As cidades contempladas foram escolhidas por meio de critérios do Ministério da Saúde e analise da Comissão Intergestores Bipartite do Sistema Único de Saúde do Estado de Minas Gerais (CIBSUS/MG), coordenada pelo secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti.

Apesar de ser a 20º remessa, os municípios contabilizam como 18º remessa, já que o 17º lote com a vacina Pfizer foi direcionado apenas à capital Belo Horizonte, mediante orientação do Ministério da Saúde; o 1º e 2º lotes foram distribuídos juntos, portanto, duas remessas a menos.

Além das diretrizes do Ministério da Saúde, os critérios estabelecidos para cada município receber o imunizante da Pfizer são:

População acima de 79 mil habitantes;

Ter equipe capacitada para a administração da vacina;

Menor distância da sede da Unidade Regional de Saúde (URS): os municípios devem estar distantes, no máximo, 2h30min da capital, por modal aéreo ou rodoviário (veículo refrigerado), a fim de ampliar a segurança da preservação da temperatura de transporte indicada (-15°C à -25°C), observada a estrutura atualmente disponível para logística;

As unidades de Saúde selecionadas deverão estar orientadas e comprovar mecanismos de agendamento para vacinação. A lista de usuários indicados à vacinação deverá ser de 2 vezes o total de vacinas disponibilizadas àquela unidade (lista de espera/contingencial);

As unidades de Saúde selecionadas deverão agendar a vacinação de um total de pessoas compatível com o consumo de 100% das vacinas a serem recebidas em no máximo 4 dias, a contar da data agendada para recebimento das vacinas;

O tempo de validade máximo após abertura do frasco, conservado entre 2°C e 8°C, é de 6 horas. As unidades devem manter procedimentos orientados à utilização integral das 6 doses (0,3ml) por frasco no período de funcionamento/vacinação;

Não deve ser realizada a vacinação com Pfizer/Comirnaty fora das unidades de Saúde, de forma que as condições de preparo e conservação estejam rigorosamente preservadas.

Distribuição

A operação logística para distribuição das vacinas é feita por meio aéreo e terrestre. A SES-MG conta com apoio das Forças de Segurança do Estado, que auxiliam no desenvolvimento e execução do transporte aéreo e das rotas terrestres.

A SRS em Divinópolis realiza a retirada das doses na Central Estadual de Rede de Frio, segundo o Estado.

Remessas recebidas

Até o dia 10 de maio, Minas Gerais recebeu 18 lotes de vacinas contra a Covid-19 do Ministério da Saúde, no entanto, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) esclareceu ao G1 que a segunda e a terceira remessas foram enviadas juntas às 28 URS e a 17ª, com doses da Pfizer, ficou em Belo Horizonte - o que explica os municípios terem recebido 16 envios, ao invés de 18.

A pasta ainda reforçou que cada município é responsável pela retirada das vacinas nas respectivas URSs.

1ª remessa: 577.480 doses da CoronaVac enviadas no dia 18 de janeiro;
2ª remessa: 190.500 doses de AstraZeneca enviadas no dia 24 de janeiro + 3ª remessa: 87.600 doses da CoronaVac enviadas no dia 25 de janeiro;
4ª remessa (contabilizada pelos municípios como 3ª remessa): 315.600 doses da CoronaVac enviadas no dia 7 de fevereiro;
5ª remessa (contabilizada pelos municípios como 4ª remessa): 357.400 doses da AstraZeneca e CoronaVac enviadas no dia 23 de fevereiro;
6ª remessa (contabilizada pelos municípios como 5ª remessa): 285.200 doses da CoronaVac enviadas no dia 3 de março;
7ª remessa (contabilizada pelos municípios como 6ª remessa): 303.600 mil doses da CoronaVac no dia 9 de março;
8ª remessa (contabilizada pelos municípios como 7ª remessa): 509.800 doses da CoronaVac no dia 17 de março;
9ª remessa (contabilizada pelos municípios como 8ª remessa): 86.750 doses da AstraZeneca e 455.800 da CoronaVac no dia 20 de março;
10ª remessa (contabilizada pelos municípios como 9º remessa): 116.600 AstraZeneca e 359.000 Coronavac no dia 26 de março;
11ª remessa (contabilizada pelos municípios como 10ª remessa): 73.250 doses de AstraZeneca e 943.400 doses de CoronaVac em 1º de abril;
12ª remessa (contabilizada pelos municípios como 11º remessa): 257.750 da AstraZeneca e 220.400 da Coronavac em 8 de abril;
13ª remessa (contabilizada pelos municípios como 12º remessa): 426.000 da AstraZeneca e 275.200 da Coronavac, em 16 de abril;
14ª remessa (contabilizada pelos municípios como 13° remessa): 316.750 doses da AstraZeneca e 73.800 da CoronaVac, em 23 de abril;
15ª remessa (contabilizada pelos municípios como 14º remessa): 578.000 da AstraZeneca e 11.800 da Coronavac, em 29 de abril;
16ª remessa (contabilizada pelos municípios como 15º remessa): 676.250 doses da AstraZeneca, em 3 de maio e 30.400 doses da CoronaVac, em 1º de maio
17ª remessa (não é contabilizada pelos municípios, já que a remessa ficou apenas em Belo Horizonte): 50.310 doses da Pfizer, em 3/5/2021
18ª remessa (contabilizada pelos municípios como 16ª remessa): 396.500 doses da AstraZeneca, em 6 de maio, 100.200 doses da Coronavac, em 8 de maio, e 112.320 doses da Pfizer, em 10 de maio;
19ª remessa - (contabilizada pelos municípios como 18ª remessa):422.750 doses da AstraZeneca e 207.800 doses da CoronaVac, em 13/5/2021, 101.600 doses da Coronavac, em 14/5/2021.
20ª remessa (contabilizada pelos municípios como 19ª remessa) foram recebidas 64.350 doses da Pfizer, em 18/05/2021

• PUBLICIDADE | AMAZON •

More about: | |

Siga o DiviCity

ASSINA NOSSAS NOTÍCIAS

Receba diariamente as notícias de DiviCity por e-mail

Pesquisa DiviCity.com

VOCÊ TEM MEDO DO CORONAVÍRUS?
Banner DiviCity.com
Portugal.Com.Vc tudo para quem quer morar em Portugal

Redes Sociais e Contato

© 2018 DiviCity.com. Todos os direitos reservados.Desenvolvido pela Iniciativa Comunicação Iniciativa

Search